Como calcular o Custo por Lead?

Não sabe como calcular o custo por lead? Tire as suas dúvidas com o artigo

Algumas empresas, questionam-se sobre como monitorizar o desempenho da sua estratégia de marketing digital para captar novos contactos. Descubra como calcular o custo por lead nas suas campanhas.

Todos os dias, as empresas deparam-se com clientes de todos os gostos e feitios e saber qual o target certo, não é tarefa fácil. O mercado está em constante modificação e a forma como o consumidor age e pensa, bem como a sua perceção de compra muda a cada minuto. Desta forma, é sempre importante estarmos atentos a estas movimentações e sabermos como cativar o potencial cliente, e por essa razão neste artigo iremos explicar como calcular o custo por lead.

Quando uma empresa está fortemente presente no digital, é certo que já tenha ouvido falar do termo “Lead”. Um termo usado para classificar pessoas que possam ser potenciais clientes. Todas as empresas que se queiram impor no digital, mais propriamente na área do marketing, necessitam de captar novos potenciais clientes, para que futuramente convertem-se em vendas.

O que é uma Lead?

Uma lead, no mundo do Marketing Digital, é um potencial cliente que mostra interesse no produto ou serviço da sua empresa, possivelmente porque observou algum conteúdo da sua empresa presente na internet, que lhe despertou esse interesse. Desta forma, o potencial cliente ao ter feito um click no seu conteúdo é porque quis saber mais sobre os produtos ou serviços da sua empresa.

Uma lead, além de ser classificado como potencial cliente, podemos também qualificar um lead como sendo uma oportunidade de negócio. No sentido em que, ao utilizarmos a mesma como uma espécie de referência ou exemplo de potencial cliente, desta forma conseguimos moldar a nossa estratégia de marketing digital com base em leads.

O que é o custo por lead?

As empresas, ao criarem e organizarem o seu plano de marketing, necessitam de estipular quanto será o orçamento para investir em campanhas relacionadas com a captação de leads. O orçamento representa o máximo a nível monetário, que a empresa poderá gastar em investimentos, durante um mês ou anualmente, de forma a atrair mais potenciais clientes. E por conseguinte, converter esses novos contactos em vendas.

O Custo por Lead (CPL) representa a divisão entre o gasto que teve na sua campanha e o número de pessoas que realmente mostraram interesse no seu produto ou serviço, mesmo que não sejam ainda clientes. Sendo o objetivo final é estes leads converterem-se em vendas no produto ou serviço da empresa.

Dependendo de empresa para empresa, o CPL varia um pouco, se por acaso o Custo Por Lead for mal calculado, poderá afetar a sua empresa. Ou seja, todos os valores calculados através do CPL têm necessariamente de serem confirmados e geridos de forma correta. Evitando desta forma, que haja prejuízos, quer a nível financeiro quer numa má escolha de canal para a captação de novos leads.

Como calcular o custo por Lead?

O custo por lead é um cálculo bastante acessível de se realizar, que fornece à empresa um controlo do seu orçamento de marketing. Verificando desta forma, quais os meios que têm dado melhores resultados com a estratégia implementada.

Calcular o CPL, é algo bastante simples. O cálculo do CPL é realizado através de uma fórmula que engloba duas variantes: Custo da Campanha e o Número de Leads. A fórmula do Custo Por Lead é então:

CPL = Custo da Campanha / Número de Leads

Para exemplificar a fórmula mencionada acima, considere que a sua empresa gastou numa campanha 1000€, e que conseguiu obter cerca de 750 leads. Necessitamos de ter em consideração o valor monetário gasto na campanha e dividir pelo número de leads que se obteve. O resultado foi de aproximadamente 1,33€, ou seja, o CPL desta campanha foi cerca de 1,33€.

Captar mais leads

Segundo dados da RockContent sobre as estratégias mais utilizadas pelas empresas para a geração de leads, em 1º lugar destaca-se as publicações nas redes sociais com 86,7% das empresas. De seguida o email marketing com 82,7%, com 77,6% o blog e por fim os meios pagos com 64,3%. Com isto, é importante frisar que a forma orgânica de gerar leads é a mais utilizada pois é, claramente possível aumentar a sua base de contactos, sem grandes investimentos.

Esta métrica do CPL, permite-nos então, criar um orçamento justo para a geração de leads da sua empresa, e de certo forma, realizar também uma melhor gestão das ações de marketing, otimizando os resultados.

Como gerar mais Leads?

Apesar de existirem inúmeras estratégias, tanto a nível orgânico como pago, algumas já foram testadas e comprovadas que são eficientes nos resultados. Contudo, todos os dias o mercado do consumidor modifica-se, e por essa razão é imprescindível a sua atenção a estas mudanças de comportamentos.

Saber como gerar mais leads, não é tarefa fácil. Uma das estratégias mais utilizadas para a geração de leads são as Landing Page e os formulários presentes nos websites das empresas. Estas estratégias têm o intuito de levar o visitante a deixar os seus dados para que depois a empresa consiga comunicar e com isso, nutrir este novo contacto para se converter numa venda.

A criação de Landing Page é uma estratégia muito acessível para qualquer empresa e com resultados positivos. Qualquer empresa, ao criar uma Landing Page, tem a possibilidade de segmentar o seu público-alvo, oferecendo-lhe algo do interesse do mesmo e em troca vai captando novos leads.

Para além das Landing Page, outra estratégia bastante utilizada para gerar mais leads é as campanhas de Social Media e Google Ads, um meio pago para a captação de leads mais rapidamente. Esta estratégia, é muito usada por empresas que ainda não têm uma base de leads muito extensa, sendo uma forma bastante rápida de gerar leads. Apesar de acelerar este processo de gerar leads, não deve depender apenas do meio pago, pois estão cada vez mais competitivos e desta forma mais caros.

Neste mundo, que é o marketing digital, no começo é bastante normal que comece com um investimento com pouco retorno, mas que será um trabalho para conversões futuras, e neste caso, os media mais utilizados para gerar leads é o Facebook e o Google Ads, apesar de existirem outros. 

Para finalizar, é importante saber que o custo de um lead é também bastante importante, pois oferece-lhe uma outra visão da sua empresa. Tendo a visão se a sua estratégia está a trazer retorno do investimento feito inicialmente ou se tem de modificar alguns detalhes na estratégia para a captar novos contactos.

Se considera que após a leitura deste artigo, necessita de uma estratégia para a captação de leads, a Blue Bolt tem profissionais qualificados que o poderão ajudar. Tenha sempre em mente, que a otimização do seu website é fulcral para o bom desempenho do seu negócio.