O email marketing é uma estratégia de baixo custo  Embora pareça fácil de criar, existem erros comuns, fique a saber os 7 erros a evitar em campanhas de email marketing.

Sabemos que as estratégias de marketing e publicidade estão em constante mudança. Sabemos também que o crescimento da internet veio aumentar a velocidade dessas mudanças e, sobretudo, criar novas ferramentas para o marketing. 

Atualmente as redes sociais podem ser o principal canal de marketing e publicidade. No entanto, muito antes destas existirem, já existia o email marketing. Este tipo de marketing consiste na comunicação entre empresas e clientes, através do envio de emails. Os conteúdos presentes  nos emails podem ser sobre promoções, novos produtos/serviços, newsletters  ou informações sobre a empresa.

Email Marketing está em desuso?

Embora à partida se possa pensar que, com as redes sociais, a comunicação através de email marketing caiu em desuso ou não é uma boa estratégia de comunicação para comunicarmos com os nossos clientes ou potenciais clientes, algumas estatísticas demonstram o contrário.

  • A Ascend2 calculou que 76% dos profissionais de Marketing sentem um crescimento constante na base de contactos por emails.
  • O Relatório de 2019 da Data & Marketing Association apurou que 59% dos inquiridos preferem comunicações por email. No mesmo estudo, estimou-se que 63% das pessoas verifica o email de trabalho várias vezes por hora. Já o email pessoal, apenas 58% o verificam mais que uma vez por hora.

Desta forma é percetível que o email marketing continua a ser uma estratégia de comunicação bastante importante para o crescimento do negócio e fidelização dos clientes. A prática do email marketing foi vista, durante algum tempo, como algo negativo. No entanto, atualmente, já é possível fazer boas campanhas de email marketing apelativas e com bons resultados para o sucesso do negócio. 

7 erros a evitar em Campanhas de Email Marketing

Para conseguir ter uma boa campanha de email marketing e atingir os objetivos que pretende com este tipo de comunicação com os seus clientes, é essencial não cometer estes 7 erros que podem ser cruciais para o bom sucesso da campanha de email marketing.

1 – Exagerar no uso de imagens

O uso de imagens está associado a conteúdos mais apelativos e dinâmicos. Mas um dos erros mais comuns no email marketing é o envio de emails carregado com imagens e pouco texto associado a essas imagens.

Ao fazer esta prática em campanhas de email marketing irá aumentar a probabilidade dos emails enviados aos clientes/potenciais clientes irem para a pasta do spam ou do lixo. Isto acontece porque geralmente, os serviços de email bloqueiam automaticamente os emails que contenham imagens. É de frisar que criar uma imagem com texto inserido não é solução, uma vez que o texto embutido não é contabilizado como texto, mas sim como imagem. 

Para contornar esta situação, pode ser inserido um ALT-text que consiste na criação de um texto alternativo, caso as imagens não carreguem. O ALT-texto ajuda a melhorar a acessibilidade de uma página web e de imagens em emails. É como fosse uma descrição da imagem.

Email Marketing
2 – Comprar listas de contactos

Para aumentar as listas de contactos, é comum, as empresas comprarem listas de emails a outras empresas. As empresas que compram listas de contactos, ao enviar emails para pessoas que provavelmente não têm conhecimento dos seus serviços/produtos, podem acabar por ser mal vistas.

O ideal será criar uma lista de contactos própria e com a devida autorização do cliente, pois com a política atual de RGPD obriga a empresa ter o consentimento expresso que pode enviar emails aos seus clientes que subscreveram a sua newsletter. Deste modo, ao construir a sua própria base de dados de contactos conseguirá ter o resultado pretendido das estratégias de email marketing.

3 – Criar emails que não abrem em dispositivos móveis

Hoje em dia é impensável criar conteúdos digitais que não estejam adaptados a dispositivos móveis. Desta forma, os emails devem evitar de ter um design complicado e com muitas colunas com informação, pois tornará a compatibilidade para dispositivos móveis mais difícil. É de salientar que os seus clientes/potenciais clientes abrem a maior parte dos emails recebidos no seu smartphone.

4 – Não segmentar campanhas

Em empresas de grande dimensão, torna-se mais difícil ter esta preocupação. Mas se a sua empresa é pequena ou média, os emails devem ser enviados de acordo com as necessidades, língua e interesses de cada cliente. Por exemplo, não faz sentido enviar o email em português para um cliente que não percebe o idioma português.

Segmentar as campanhas de email marketing é fulcral para a mensagem que irá enviar aos seus potenciais clientes seja entendida de forma clara e percetível. Por isso, se quer enviar uma newsletter não se esqueça de adaptar o conteúdo para o público que quer comunicar.

5 – Usar demasiados Call-To-Action (CTA)

O Call-To-Action é uma chamada para ações que desperta a atenção do cliente/potencial cliente para executar uma determinada ação. No caso do email marketing, inserir hiperligações que conduzam o cliente ao site da empresa ou uma landing page, que contenha mais informações. 

Evite usar demasiados CTA, pois isso vai fazer com que o cliente/potencial cliente perca-se na mensagem que quer transmitir. Foque-se apenas num CTA de forma a visar a promoção dos produtos/serviços e aumentar o engagement. 

6 – Usar noreply

Mais uma vez, no caso de se tratar de uma empresa de grande dimensão é difícil não cometer este erro. Contudo, no caso de pequenas e médias empresas, a interação com o público é importante. 

Ao colocar “noreply” pode parecer que não temos interesse no feedback, devido a não darmos a oportunidade do potencial cliente responder ao email que estamos a enviar. Porém, o potencial cliente poderá ter alguma dúvida sobre o serviço ou produto da empresa e não conseguirá tirar essas dúvidas com este tipo de email. Em alternativa, coloque no email um link interno onde seja possível ao cliente comunicar com a empresa e tirar as suas dúvidas sobre o serviço ou produto.

7 – Ter uma frequência de emails

A frequência com que são enviados é também um elemento muito importante. Não devem ser enviados poucos emails ao ponto do consumidor pensar “Nem me lembrava que tinha subscrito” nem demasiados ao ponto do pensamento ser “Que chatos, estão sempre a enviar emails”. Como se costuma dizer “Nem 8 nem 80”.

Por isso, tenha a estratégia de envio de campanhas de email marketing bem definidas para enviar os email essenciais para passar a informação que deseja aos seus clientes/potenciais clientes. 

Após ficar a conhecer quais os 7 erros mais comuns em campanhas de email marketing, certifique-se que não cometa nenhum dos referidos acima. Caso tenha alguma dúvida ou considera que necessita de ajuda para criar a estratégia de email marketing para a sua empresa, a Blue Bolt tem profissionais qualificados nesta área que o poderão ajudar.